Fotografo: Gabriel/CCSMI-PMMT
...
O ato ocorreu na tarde de ontem (11)

No gabinete do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jonildo José de Assis, o agente especial da Polícia Federal Herculano Tavares de Andrade recebeu a ‘moeda símbolo’ da PM mato-grossense, um gesto de reconhecimento ao trabalho do policial, especialmente das ações desenvolvidas em parceria com a PMMT.
 
O ato ocorreu na tarde de ontem (11), na presença de todos os coronéis com cargo no Quartel do Comando Geral(QCG). O comandante-geral adjunto, coronel Delwison Sebastião Maia da Cruz, fez a entrega em atendimento ao pedido do comandante geral.
 
De acordo com o comandante geral, além de contribuiu para o fortalecimento da relação de confiança estabelecida entre a PM e Polícia Federal, o trabalho de Herculano foi fundamental em ações de inteligência que visavam a integração das duas polícias na repressão à criminalidade.
 
O comandante da PMM também agradeceu ao agente por estar no QCG acompanhado da esposa, Viviane, e das filhas Luiza(10) e Letícia(7). “Sabemos da importância da presença e do apoio da família na vida do policial”, pontuou.
 
Emocionado, Herculano Andrade agradeceu dizendo que quando recebeu o convite para ir ao Comando da PM não imaginava que o encontro seria tão significativo, que o tocaria tão profundamente. “Superou todas as minhas expectativas, não esquecer este momento”, completou.
 
Há 13 anos atuando como agente da PF em Mato Grosso, nos próximos dias Herculano retornará para Minas Gerais, seu estado de nascimento. Não por vontade própria, mas por necessidade familiar, segundo ele. “Criei raízes fortes aqui, gosto do Estado e tenho duas filhas mato-grossenses”, completou.
 
Além do comandante-geral e do comandante adjunto, Participaram da homenagem os coronéis Wankley Rodrigues(subchefe de Estado Maior), Ronelson Jorge de Barros(diretor de Ensino, Instrução e Pesquisa), Edvan Mnaoel Azevedo(diretor de Gestão de Pessoas), e o tenente-coronel Fábio Andrade(diretor da Agência Central de Inteligência).  
 
MOEDA
 
A peça que homenageou o agente é esculpida em metal, tem na frente o brasão da Polícia Militar mato-grossense e no verso uma gravura do QCG em alto relevo. Criada este ano, tem como finalidade reconhecer formalmente a relevância do trabalho desenvolvido por integrantes de outras instituições militares e civis. A concessão é de decisão exclusiva do comandante-geral.