Fotografo: Divulgação/Receita Federal
...
Foram mais de 4 toneladas de produtos apreendidos

O 14º Mutirão Nacional de Destruição, da Receita Federal, vai destruir mais de quatro mil toneladas de produtos falsificados ou que não atendem às normas de vigilância sanitária por todo o Brasil. O montante desta ação, que abrange 62 unidades da Receita, é de R$ 606 milhões.
 
Entre os produtos destruídos estão cigarros, cosméticos, bebidas, CDs piratas, medicamentos e alimentos impróprios para consumo. A maior parte dos resíduos será reciclada.
 
Das dez regiões fiscais no país, a 8ª (São Paulo) e a 9ª (Paraná e Santa Catarina) foram as que tiveram maiores valores em mercadorias apreendidas, com R$ 119,8 milhões e R$ 258 milhões respectivamente, com cerca de 1,4 tonelada de produtos para cada uma das duas regiões.
 
No restante de 2019, entre janeiro e outubro, o valor das mercadorias apreendidas foi de R$ 2,52 bilhões.
 
São variadas as modalidades de saídas para as mercadorias apreendidas, como destruição, incorporação a órgãos públicos, doação a entidades beneficentes e leilão.