Fotografo: Ilustração
...
Sem Legenda

Os policiais militares do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) Mato Grosso participaram da operação integrada com a Polícia Federal, Polícia Militar do Amazonas e Força Aérea Brasileira (FAB) que resultou na interceptação de uma aeronave modelo Sêneca e obrigada a fazer pouso forçado no aeroporto de Porto Urucu, em Coari (438 quilômetros de Manaus).

De acordo com a assessoria, estava levando 418 quilos de pasta base de cocaína, avaliados em R$ 5,8 milhões. Não foi confirmado onde pousaria para entregar o carregamento.

Piloto e copiloto foram presos em flagrante e um deles tem mandado de prisão expedido pelo crime de homicídio. Não foi confirmado se o Sêneca seria roubado.

Ainda de acordo com Gefron de Mato Grosso, também foram apreendidos uma aeronave modelo Beechcraft, 14 tambores com gasolina de aviação, diversos equipamentos de comunicação e navegação, uma Toyota Hilux de cor branca, uma pistola com munições e R$ 12,7 mil. Outro preso estava sendo procurado pela justiça por estupro.

O objetivo da operação foi de combater o crime de tráfico internacional de drogas com a utilização de aeronaves, associação para o tráfico de drogas e porte ou posse ilegal de arma.

A interceptação feita pela FAB foi com avião A-29 Super Tucano.

Fonte: Redação Só Notícias

Colaboração Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com
Cuiabá e Municípios da Grande Baixada Cuiabana.
E.mail . Jornal.int@gmail.com.br
Site www.brasilintegracao.com.br