0

Fundado aos 12 de janeiro de 1970; Pelo Jorn Narciso Honório Silveira

Cidadão Repórter

(66)984060008
Cuiabá(MT), Quinta-Feira, 29 de Outubro de 2020 - 04:26
06/10/2020 as 18:04 | Por LICIO ANTONIO MALHEIROS | 80
Procurador Mauro é conhecido como Mauro pula-pula, por só aparecer de dois em dois anos
Analisando com cautela e ponderação, o referido site tem razão ao proferir essa afirmativa, chamando-o de candidato pula-pula.
Fotografo: Imagem arquivo pessoal
Sem Legenda

A chamada em questão, não se refere ao brinquedo conhecido como cama elástica ou pula-pula, tradicionalmente utilizado nas festas de aniversário, brinquedo este, muito disputado e adorado pelas crianças.

Principalmente, em função da sensação e emoção ao brincar no mesmo, pois seus corpos, ao serem projetados às alturas, acaba provocando nelas verdadeiro frenesi.

Na verdade, como acompanho pari passu as redes sociais; por conseguinte, os meandros que norteiam a nossa política e por estarmos vivenciando situação diferenciada nesta eleição, com a vacância do cargo ao Senado Federal, com a cassação da senadora Selma Arruda.

A última rodada de pesquisa realizada por um  site da capital, no dia 29 setembro, rumo a senatoria utilizando-se da pesquisa estimulada, quando é apresentado uma lista de candidatos ao eleitor; nessa pesquisa, o Procurador Mauro (PSOL) apareceu  com 13,4 % das intenções de voto, ocorrendo empate técnico com o candidato Elizeu Nascimento (DC) com 12,1%.

Li em um renomado site da Capital, um artigo intitulado “Senador Pula-Pula”, quando o referido site faz menção  a este candidato, dizendo "O candidato ao senado, Procurador Mauro (PSOL), conhecido como Mauro pula-pula, levou este nome  pela população cuiabana, pelo fato de só aparecer  de dois em dois  anos para pleitear uma (boquinha) não importa onde, seja para governador, senador, prefeito, ou seja quer começar de cima para baixo".

Analisando com cautela e ponderação, o referido site tem razão ao proferir essa afirmativa, chamando-o de candidato pula-pula.  

Senão vejamos, após deixar o Partido dos Trabalhadores (PT) em 2003, o procurador Mauro, fundou o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) em Mato Grosso, que em seu espectro político é definido como um partido de esquerda ou de extrema-esquerda, defendendo o socialismo.

 É considerado partido de esquerda ampla, pois, não funciona por centralismo democrático; agregando diversas correntes internas, desde reformistas até revolucionários.  

Em sua longa trajetória política desde 2006, sem nunca ter vencido uma eleição sequer. Iniciou sua vida política (2006), sua primeira disputa foi para governador do Estado; prefeitura de Cuiabá (2008, 2012, 2016); Câmara Federal (2014) e Senado Federal (2010, 2018), perdendo 7ª eleições consecutivas, partindo agora para a 8ª.

O candidato em questão, que aparece nessa pesquisa com empate técnico, Elizeu Nascimento (DC) é de direita, ao contrário do seu opositor, entrou para política, com parcos recursos financeiros,  oriundo da gloriosa Polícia Militar do Estado de Mato grosso, na qual, por 17 longos anos de sua vida, atuando sempre na linha de frente, no enfrentamento contra   bandidos, arriscando sua vida em prol da população cuiabana e matogrossense, e o que é mais importante, nunca recebera uma advertência sequer.

Na condição de político, apesar de sua trajetória meteórica, chegando à condição de deputado estadual, em 2018, obtendo 21.347 votos (1,41% dos votos válidos), como deputado estadual, tornou-se recordista, na apresentação de projetos exequíveis.  

Em sua trajetória de vida, sempre pautada na humildade e sinceridade, por se tratar de um emergente nato, digno de todo reconhecimento e aplauso, pela condição de simples comunitário dedicado ao bairro, que ele e seus familiares, ajudaram a criar, o Altos da Serra, pelo qual ele tem orgulho de sua origem e projeção política.

Mesmo, na condição de deputado estadual, o mesmo não relegou sua origem humilde, continua morando no mesmo bairro e na mesma casa, isso é um caso raro, na política matogrossense, pois muitos que conheci e que se tornaram deputado estadual, assim que venceram a eleição, de imediato se mudaram para o Alphaville, Florais e por aí vai. 

Licio Antonio Malheiros é geógrafo

Cooperador  Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com

Cuiabá e Municípios da Grande Baixada Cuiabana.

E.mail . Jornal.int@gmail.com.br

Site www.brasilintegracao.com.br




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil