Fundado aos 12 de janeiro de 1970; Pelo Jorn Narciso Honório Silveira

Cidadão Repórter

(66)984060008
Cuiabá(MT), Quinta-Feira, 19 de Maio de 2022 - 09:30
23/01/2022 as 12:31 | Por Paulo Henrique Fanaia |
Após quase três anos em reforma, Dutrinha recebe mais uma data de entrega
A obra, que foi orçada em cerca de R$ 2 milhões, é um dos grandes imbróglios da gestão Emanuel Pinheiro
Fotografo: divulgação
Sem Legenda

Para quem sonha em ir ao estádio Eurico Gaspar Dutra, o Dutrinha, ainda neste ano, o secretário municipal de cultura, esporte e lazer, Aluízio Leite anunciou recentemente a nova, possível, data da entrega da obra. De acordo com ele, o templo do futebol cuiabano será entregue no dia 31 de janeiro.
 
“O vice-prefeito e secretário de obras, José Roberto Stopa, tem uma projeção de inaugurá-lo até o dia 31. Estamos em ritmo acelerado e ultimando nossos trabalhos para que possamos entregar o Dutrinha ao povo cuiabano”, disse o secretário durante visita de vistoria no Dutrinha.
 
A reforma do estádio começou em fevereiro de 2019 e foi orçada em cerca de R$ 2 milhões. A primeira etapa, orçada em R$ 450 mil foi a readequação do espaço para atender as medidas de segurança e acessibilidade.

A segunda etapa, que custou cerca de R$ 600 mil, foi a mudança de posicionamento dos postes de iluminação e a troca do gramado. Já a terceira e última etapa que teve um investimento de R$ 500 mil, foi a modernização dos vestiários.
 
De lá pra cá, muita coisa aconteceu. O estádio foi cedido à Conmebol em junho de 2021 para o treinamento das seleções que disputariam a Copa América no Brasil. No mesmo mês, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) reprovou o gramado do Dutrinha e não autorizou a realização do jogo entre o Cuiabá e Grêmio.
 
Depois de muitas cobranças e críticas, em julho de 2021 o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) anunciou na imprensa que a obra seria entregue em até 90 dias. Porém, isso não aconteceu.

Ao longo da gestão, por diversas vezes foi anunciado que a entrega do estádio estava próxima, mas o feito foi adiado consecutivas vezes.  E a última vez que o imbróglio do Dutrinha virou pauta foi em 30 de dezembro, durante a entrega da obra de revitalização da Orla do Porto.

Na ocasião, o secretário Aluízio Leite disse à imprensa que a entrega do estádio era prioridade na gestão municipal, porém, mesmo sendo questionado, não deu nenhum prazo.

Paulo Henrique Fanaia

Colaborou:  Astrogildo Nunes – astrogildonunes56@gmail.com
E.mail . Jornal.int@gmail.com.br    
Site www.brasilintegracao.com.br
feccebook  brasilpolicial@gmail.com
Em breve TVbrasilintegracaoWEB




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil