Fundado aos 12 de janeiro de 1970 pelo Jor CEO Narciso da Silveira

Cidadão Repórter

(66)992511952

Cuiabá(MT), Sábado, 02 de Março de 2024 - 12:50
26/11/2023 as 20:07:20 | Por Da Assessoria |
Residencial Colinas Douradas: 1.000 Titulares e Suplentes têm seus nomes divulgados pela Prefeitura
PRESENTE DE NATAL
Fotografo: Secom/VG
O prefeito Kalil Baracat.

Várzea Grande já tem os titulares e suplentes que serão contemplados com as 1.000 casas do Residencial Colinas Douradas e que a partir desta segunda-feira, 27 de novembro, serão atendidos em grupos de 40 escolhidos, sendo 20 pela manhã e 20 a tarde na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, Regularização Fundiária e Habitação para entrega de documentos e para formalizarem o financiamento junto a Caixa Econômica Federal, agente financeira oficial do Programa Minha Casa, Minha Vida.
 
“Fico imensamente feliz em saber que participei diretamente, seja como secretário da então prefeita Lucimar Sacre de Campos e agora como prefeito de minha terra natal, Várzea Grande para regularizar, promover o saneamento e poder entregar essas 1.000 residências para as famílias que terão um Natal de Luz e um Ano Novo que simboliza uma das maiores conquistas do ser humano, o lar para si e para sua família”, disse o prefeito Kalil Baracat.
 
Os sorteados foram definidos após cumprirem todas as exigências legais previstas pelo Governo Federal através de decisões do Ministério das Cidades e do Agente Financeiro oficial, no caso a Caixa Econômica Federal.
 
Kalil Baracat demonstrou ainda confiança de que o atual Governo Federal vai retomar outras obras que se encontram paralisadas em Várzea Grande, como dos Residenciais Padre Aldacir e Isabel Campos, além de lançar outras obras que são fundamentais para se reduzir o déficit habitacional estimado entre 15 mil até 30 mil habitações.
 
“Quando falo da minha satisfação é porque o Colinas Douradas passou por altos e baixos como três empresas vencedoras do processo licitatório terem alegado Recuperação Judicial e abandonado as obras, a invasão de todas as unidades em 2020, a desintrusão determinada pela Justiça Federal e a falta de obras complementarem que impediam a entrega das casas e protelaram o seu destino por vários anos.
 
“A gente se sente com o dever cumprido em ter trabalhado pelo melhor para essas 1.000 famílias e provavelmente 4 mil pessoas, levando em consideração uma família de quatro pessoas e isto renova nossas expectativas de que novas obras virão, novas retomadas irão acontecer e mais pessoas serão beneficiadas com o lar, com a dignidade de um teto para morar”, comemorou o prefeito nas primeiras horas deste domingo quando foram conhecidos os vencedores do sorteio realizado na noite de sábado pela Loteria Federal.
 
O secretário de Desenvolvimento Urbano, Regularização Fundiária e Habitação, Ricardo Azevedo Araújo, frisou que além do esforço e dedicação da gestão pela retomada das obras, ficou satisfeito pelos resultados no processo de escolha até a destinação final dos moradores, já que a demanda por novas residências e grande e as pessoas precisam passar por todo um processo de seleção até a definição.
 
“Temos que trabalhar e colocar em prática novas obras para que mais e mais famílias sejam contempladas. Essas é a nossa missão e a determinação do prefeito Kalil Baracat, ou seja, na medida do possível dar o direito de todos terem um lar”, frisou o titular da pasta.
 
Ele lembrou que a partir desta segunda-feira, 27 de novembro, na sede da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Regularização Fundiária e Habitação, haverá a recepção dos documentos dos sorteados, sendo 20 pela manhã e 20 a tarde até que todos os contemplados sejam atendidos ou havendo problemas sejam substituídos por suplentes, ou seja, ou suplentes existem para havendo problema com o titular ele o substitua sem a necessidade de um novo sorteio.
 
“Vamos a partir de agora receber documentos, fazer a checagem final, promover a assinatura do financiamento junto a Caixa Econômica Federal para que o quanto antes os contemplados possam assumir em definitivo suas casas”, disse Ricardo Azevedo Araújo.
 
Kalil Baracat assinalou que vai tentar montar uma força tarefa que permita para ainda em dezembro, momento de cesta e congraçamento essas famílias possam desfrutar deste presente, um lar definitivo.
 
Anexos:
 
 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil